segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Semana Mundial da Amamentacao - Relato da Katia

(Luis Eduardo - recem nascido)


Uma troca gostosa


Era assim que eu me sentia quando amamentava o Luis Eduardo.


A gente imagina mil e uma coisas e planeja tudo direitinho como vai ser na hora que eles nascerem, prepara o peito, e quer colocar eles em contato com a gente logo apos o parto ja para mamar, mas nao foi assim que aconteceu, com a gente.


O Luis Eduardo teve de ir para uma sala de cuidados especiais e nos nao tivemos um contato assim de primeiro momento, eu so o vi por alguns segundos e eles ja o levaram, entao nos so nos vimos umas 3 horas apos o parto, mas eu o peguei no colo e ja coloquei no peito e ele parecia que ja sabia mamar FOI LINDOOOOO!!!!!!!


E EU CHOREI!!! Minha mae estava la comigo.


Nos ficamos no hospital por sete dias e esses dias foram crucias para me darem mais forcas para amamentar meu filho, pois o Luis Eduardo tinha uma infeccao a principio que eles nao sabiam o que era, ele tomou varios antibioticos para combater varias possiveis infeccoes.


Na realidade ele so mamou no meu peito nesse primeiro dia depois nao teve como, pois ele tinha de tomar medicamentos , e o alimento era via soro tambem, mas o hospital disponibilisava daquelas maquininhas de tirar o leite ( eletrica ) e eu ia extrair de 3 em 3 horas, para o organismo produzir leite, o que eu conseguia tirar( mais ou menos 2 ml ou 3ml) eu dava para as enfermeiras e elas davam pela seringa para o Luis Eduardo.


No sexto dia o Luis Eduardo pode dormir no mesmo lugar que eu e naquela noite eu tive febre e meu peito tambem encheu muito, e no setimo dia a gente pode sair do hospital.


Deste dia em diante o Luis Eduardo mamou exclusivamnete no peito ate 4 meses, em seguida comecei a dar outras comidinhas, mas o peito continuou ate os 11 meses.


Meu peito esquerdo rachou, e eu cantava “Maria de Nazare” e a dor passava, e ele continuava mamando tranquilo.


Minha mae me deu forcas, Maria me deu forcas.


Penso que amamentar e’ mais receber do que dar, pois nao ha nada melhor do que ver o rostinho deles depois de mamar.


Amamentar e gratificante!


Katia



Katia nao tenho palavras para agradecer por "tudo" que voce sempre foi e e' na nossa vida ne? Entao um simples obrigada nao sera o suficiente, mas no momento e' o que temos. Obrigada amiga e que Deus retribua em dobro para ti e para tua familia tudo de bom que voce tem feito por nos. Valeu mesmo!



Leia tambem os relatos da Priscila e da Yolanda, amanha tem mais!

(Luis Eduardo com 2 meses!)

Um comentário:

  1. Gra,

    Muito lega o relato da Katia e as fotos muito bonitas.
    É sempre lindo ver a imagem de um bebê amamentando.
    Assim como com a Kátia, também demoraram para trazer a Bia para mamar, cerca de 4 horas que pareceram um eternidade.

    Beijos
    Pri

    ResponderExcluir
Related Posts with Thumbnails