quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Desde ja, se preparando...

... para o dia da partida.

E' parece meio exagero pensar assim, ate porque nao sei exatamente ainda, quando isso ira acontecer. Pode ser o ano que vem? Pode. Daqui 2 ou 5 anos? Pode tambem.

A unica coisa que sei, e' que nao moraremos aqui para sempre ou ate ficarmos velhinhos e decidirmos voltar a nossa terra natal. E ai entra uma questao totalmente familiar (nao pessoal), pois meu marido quer voltar para o Brasil. Eu nao quero (agora) e confesso que muitas vezes a maioria nao me vejo mais morando la, so que somos uma familia, entao... estaremos juntos: na alegria e na tristeza.

So para deixar claro, eu adoro o Brasil, sei que nao existe um lugar perfeito, aqui tem VARIOS problemas tambem. O que difere la, daqui, para mim, ai sim e' uma questao pessoal: e' que aqui eu sou eu, como sempre quis ser, sem ter que agradar ninguem, fazer renuncias ou sei la mais o que. E assim que minha familia (meu sonho antigo) se constituiu. Por isso, muitas vezes, pensar na volta para o Brasil, me angustia muito. Tenho que estar preparada psicologicamente, pois isso acontecera.

Para aliviar um pouco esse peso-pesado dos meus ombros, procuro ler e colher informacoes sobre nossa futura cidade. Ate porque comecaremos em um lugar novo para nos, sem conhecer quase ninguem e sem ter mais 25 anos...

Iremos para Curitiba.... entao aqui irei concentrar os links que vou achando na internet, mas caso voce tenha alguma informacao para adicionar, por favor, use o espaco dos comentarios e eu irei atualizando.

Algumas questoes que me preocupam, por nao conhecer a cidade e por pura ansiedade mesmo, sao elas:

* sobre mercado de trabalho: estou fora do Brasil ha 7 anos e meio (set/2011) e fora do mercado de trabalho ha 4 anos. Quais sao minhas chances de conseguir um emprego na minha area?
 ** Trabalhei aqui em uma escola de educacao infantil (e fiz algumas atualizacoes, mas nada com titulacoes), sera que isso conta em algo?

** sobre moradia: ainda existe alguma chance de se viver em casa em Curitiba? Os precos sao possiveis? Ha casas no mercado para compra e venda?

*** perguntas nada a ver:
:) o clima e' sempre frio ou tem alguns dias bons de calor?
:) e' dificil fazer amizade numa cidade tao grande? serei excluida por ser paulista e de alguma forma, talvez estrangeira?
:) ha biblioteca publica para criancas? Ou algum projeto com contacao de historias?

Tem mais perguntas, mas agora nao lembro, quando lembrar volto. Lembrando, que eu nunca morei fora de Sao Paulo, estive em Curitiba duas vezes, mas a passeio so', entao minhas perguntas podem parecer "bobas" para voce, mas para mim, que nunca morei la, sao "normais".

Segue a lista dos links, sobre Curitiba:

Obrigada a quem me ler, pela paciencia....

Olhando rapidamente essa imagem pode te confundir:
Sera Curitiba? Londres?

Obrigada a quem escreve sobre suas cidades, de modo tao encantador e ao mesmo tempo tao didatico - com informacoes uteis. Caso voce queira contar-me algo sobre Curitiba ou se puder me dizer o que voce acha sobre minhas "duvidas", por favor, fique a vontade e obrigada pela atencao. Conto com voce tambem!

13 comentários:

  1. Ai é mesmo um perrengue que muita gente passa, mas olha, uma mudança pra lá também não precisa ser definitiva, essa é a beleza! Vocês podem sempre tentar morar lá e se não funcionar voltarem, ou tentarem ainda outros países! Você não disse o porque o seu marido não gosta daqui ou se é uma paixão incontrolável pelo Brasil, mas a angústia sempre dá uma aliviada quando vemos as coisas sob esse ponto de vista, nada precisa ser final, e em um casamento, sempre que estejam em sintonia, pode-se ir tentando outras coisas, lugares, e se fazer o ninho como e quando fôr dando certo :)

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Meu nome é Bruna e nasci e nunca sai de Curitiba! Bom acho q a procura de empregos vai muito da boa vontade das pessoas, acho q oque pode te ajudar muito é ter uma segunda língua, pois estamos com um "bum" de escolas bilíngues por aqui!
    Temos uma biblioteca pública sim que fica bem no centro da cidade, mas sinceramente devo ter entrado umas 2 vezes nela, e temos também em quase todos os bairros os faróis do saber que são mini bibliotecas. Tem vários teatros para crianças e alguns locais com contação de histórias!!!
    Aqui não é frio o ano inteiro, mas qd faz frio é bem rigoroso de meados de março a meados de setembro.
    Existe sim a possibilidade de se morar em casa sim! Temos bairros residenciais lindos e bem localizados, tanto para locação como para venda!
    Quanto as amizades.... puxa... Curitibocas não são pessoas das mais simpáticas, mas sim é possível de se fazer boas amizades e contatos!!!!
    Bom espero ter ajudado!
    Abraços,
    Bruna

    ResponderExcluir
  3. gra, se vc conseguiu "quebrar" os brits, certeza que "quebra" os curitibanos!!!

    ResponderExcluir
  4. GRa querida, todas as perguntas respondidas, eu de sp, com parentada em são caetano q tb morei na europa e de volta a minha cidade querida Curitiba...
    vc consiguirá um otimo emprego aqui e otimas escolas pro nicolas, tb dou aulas pra ed infantil e te coloco em uam escola rapidinho, mas se quiser com psicologia tb tem, muitas amigas na area pra encaminahr vc.
    o clima aqui é frio mas nem se compara com londres e no inverno é capaz de fazer calor como esse q estamos atravessando, no calor pe uma delicia, nunca tão quente.
    Fará mil amizades e disso posso cuidar pessoalmente, vai ter mil passeios e programas.
    Tem contação de historia e teatro infantil o ano inteiro, posso te dizer pq meu marido é ator e contador de histórias aqui :)
    casas são deliciosas, vc vai achar facil e o preço das coisas em curitiba são mais baratas q em outro lugar, como são caetano por ex.
    fora isso a cidade é limpa, gostosa e tem comidinhas boas , que mais?

    ResponderExcluir
  5. esqueci de falar q a foto q vc postou é da rua onde fica a biblioteca publica de curitiba q tem programações infantis e é uam delicia, vamos sempre com manoela, ela ama

    ResponderExcluir
  6. nada amiga a foto é da estação central na ufpr praça santos andrade, da esquina da marechal...
    mas a biblioteca publica é bem perto
    kkkk

    ResponderExcluir
  7. gra,

    pensar em mudar já um passo.
    é começar a interagir com um novo período de adaptação.
    que não é fácil, mas mudanças são sempre uma nova oportunidade de recomeço.
    e recomeços são sempre bons.
    não conheço de curitiba, mas fico na torcida aqui, ok???

    bjo bjo

    ResponderExcluir
  8. Oi Gra,

    O Riocentro é bem grande. Acho que o maior local que temos aqui no Rio para esse tipo de evento. Talvez, apesar de ser o maior, realmente esteja necessitando de uma expansão pois foi construído quando o Rio não recebia tantos eventos. Agora a cidade está em alta e precisando se adaptar a esse novo cenário.
    Acho que precisa de uma organização maior no trânsito que é gerado por causa da entrada no estacionamento. Talvez abrir mais pontos de acesso ao estacionamento.
    Ontem foi um dia especialmente lotado. Foi o dia que o Riocentro ficou mais cheio. Teve um momento em que eles tiveram que fechar a entrada. Esgotou mesmo!
    Nesse caso acho que foi falta de planejamento colocar os escritores âncora que trazem mais público, no mesmo dia sendo esse um feriado de meio de semana onde as pessoas não viajam e no mesmo horário. O Padre Marcelo tem que ir em um dia que não mais nenhum grande escritor. Só ele já lota o lugar. A questão é que o Padre Marcelo, não necessariamente, traz leitores ao local. O público dele estava chegando e se direcionando diretamente para a fila para vê-lo. Mais isso já gera o tumulto na entrada do estacionamento, na fila para a aquisição dos ingressos, fila para entrar nos pavilhões e tumulto para circular lá dentro.
    Bom que eu fui sabendo o que me esperava, saí de casa cedo, cheguei cedo e as meninas conseguiram ver a Thalita Rebouças. Valeu! Depois fomos para o clube relaxar na piscina aquecida.

    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Ei Gra,

    Eu também me pergunto se conseguiria me adaptar ao Brasil de novo, mas acho que pensar em Curitiba soa bem. Eu não conheço a cidade, mas conheço muita gente de lá feliz com a infraestrutura. Vai dar tudo certo quando chegar a hora!

    Estou torcendo por vocês!

    Beijos,

    Lu

    ResponderExcluir
  10. Oi Gra, preparar as coisas é sempre muito bom e vale a pena. Além disto pensar em alternativas caso não dê certo, tbem é recomendável. Acho que sabemos muito bem como são as coisas do planejamento e a lei de Murfe. Te digo que conheço Curitiba e acho uma cidade encantadora, com ótima estrutura, atividades culturais e não é tão frio como Londres, com certeza. Há oportunidade de trabalho sim, e viver é muito bom, mas o custo de vida é como em São Paulo e os salários já são mais abaixo que Sampa. Comprar um imóvel vale a pena, pois também são mais em conta. Tenho um primo que mora em Curitiba e sofreu um pouco com os curitibanos, pois ele sendo de São Paulo teve alguns bloqueios, mas nada que não pudesse resolver com o tempo. O pessoal é um pouco bairrista e isto pode chatear um pouco. Mas, se viveu na Inglaterra e na Espanha, com certeza tira de letra o pessoal de Curitiba. Bom, minha amiga, acho que a vida em familia é maravilhosa e é preciso muita conversa e comum acordo para que tudo vá da melhor forma possível. E, caso não dê certo, sempre há a possibilidade de voltar, por que não?
    Um grande beijo a todos. Yolanda

    ResponderExcluir
  11. OI! Nossa é uma barra ir e voltar! Sei bem como é! Vivi fora do Brasil 5 anos, meus pais queriam que eu ficasse morando nos Esteites (eu amo lá) mas eu era apaixonada por um guri daqui, então voltei. Hj tô casada com el e com filhos, então valeu a pena!

    Eu fui em Curitiba, quando era pequena, cidade Linda!!! Tenho parentes lá. E uma prima minha foi o ano passado e achou uma escola (posso ver pta ti o nome) maravilhosa pro filho dela, mas acabou não sendo transferida. Mas ela adorava a cidade!

    Sobre ser acolhida morei quase 2 anos numa cidade pequana e não fui nem um pouco acolhida, sempre era considerada forasteira. Isso vai depender das pessoas mesmo, não importa se a cidade é grande ou pequena.

    Sobre emprego, se vc for realmente boa no que faz sempre tem espaço e vc tem uma vantagem, escreve e fala muito bem o inglês, isso derruba metade dos teus concorrentes (em qualquer área)!

    Quero muito conhecer a Legolándia, quero muito ir no país do Grúfalo e do Charlie e da Lola! Tô louca pra viajar, mas ainda não podemos (- $$$)! :)

    Bjão, gi

    ResponderExcluir
  12. Oi, Gra! Como te respondi lá no twitter, aqui em Curitiba vc encontra tudo o que precisa; o seu bairro é ótimo - não conheço muito porque moro no outro lado da cidade. Mas a Biblioteca Pública tem ótima programação para crianças, eu frequento muito a Bisbilhoteca também (recomendo seguir no facebook); quanto a emprego, é sempre aquela coisa, depende da área, mas não é uma cidade com problemas de emprego não. Mas certamente paga menos do que em São Paulo, mas o custo de vida é menor.

    ResponderExcluir
  13. Oi Gra olha mais um que achei sobre a minha city querida que quem sabe logo sera sua tb.. rs. Eh mais artistico do que documental, mas achei bonito o video =) http://vimeo.com/31814733

    ResponderExcluir
Related Posts with Thumbnails