terça-feira, 21 de junho de 2011

Ritual de Domingo (4)

Eis que encontrei a receita, que agora posso chamar: a do nosso bolo. Sabe aquele bolinho que nossas avos/ maes sabem de cor e quando alguem chega sem avisar, enquanto prepara o cafe e bate papo na cozinha, elas ja estao assando o bichinho? Que tem um cheiro maravilhoso, uma mistura de infancia com adolescencia e casa de mae?

Entao achei uma receita dessa para mim. Ja havia testado varias receitas de bolo, sei fazer alguns que ficam deliciosos (banana caramelizada, bolo gelado, fuba com erva doce, o famoso (aqui em casa) maca, com canela e aveia...), mas essa receita e' daquele bolinho do domingo a tarde, para o lanche e se sobrar algo, para o cafe da manha do dia seguinte.

O que mais gostei desta receita foi isso, ela e' pequena. Para minha familia e' o suficiente e o bolo nao sobra para a semana inteira, as vezes nem sobra.

Essa semana tive que faze-lo ontem, em plena segunda - feira a pedido do filhote... o mais dificil foi esperar ate o lanche da tarde, ja que fizemos de manha e depois do almoco bateu uma vontade daquele bolo lindo, olhando para mim; mas resisti.

A receita: Bolo de chocolate

150 g de farinha branca
125 g de acucar (usei so 100g do acucar branco, que era o que tinha)
125 g de manteiga (usei margarina mesmo, era o que tinha na geladeira)
3 ovos
35 g de cacau em po (usei achocolatado mesmo, era... )
1 colher de sopa de fermento (nao muito cheia)

Liguei o forno, para ir pre-aquecendo.

Juntei todo os ingredientes numa bacia, menos o fermento e mexemos bem. Se voce achar que a massa ta dificil de mexer, adicione um pouco (+/- meio copo) de agua morna. Nunca coloquei agua, pois  nao precisou, mas ta escrito na receita.

Untei uma forma retangular pequena (ou forma de pao pulman ou de bolo ingles, nao sei o nome certo em portugues), coloquei a massa e foi para o forno em temperatura media (180o. graus).

Em torno de meia hora estava pronto. Ele cresceu, ficou lindo e delicioso. Porem acho que falta colocar um pouco mais de algum ingrediente (talvez um pouco mais de farinha, nao sei), porque no dia seguinte o pedacinho que sobrou estava um pouco farelento, sabe? Mas nao fez diferenca nenhuma no sabor. Comemos tomando um chazinho ou um cafe.

Ah! Espera um pouco para desenformar, senao ele quebra mesmo.

Lembrando que meu filho fez tudo, no de ontem eu so mexi no final o fermento (bem gentilmente) para nao desandar, ate quebrar os ovos ele quebrou. Ele adora ajudar.

Ah! Essa receita estava em uma revista de um supermercado daqui, que fica disponivel nos caixas para quem quiser.


Quem segura a ansiedade desse menino
que nao consegue esperar o bolo esfriar.
Comer quente da dor de barriga!



Ja pode atacar?

Dessa vez adicionei um pouco de granulado na massa,
a pedidos do meu filho.
Ficou muito bom, mas nao faz falta nao.

 Boa semana para todos nos!

2 comentários:

  1. Oi. Tudo bem ai? Espero que sim. Esse bolo está com uma cara ótima. Fala pro Nicolas que quando eu for visitar voces ele vai precisa fazer um bolo desses pra gente comer com café. HUUMMM!Que delicia. Beijão a todos.

    ResponderExcluir
  2. Oi Gra,
    fiquei um tempo sem passar por aqui e já fiquei cheia de saudade.

    Adorei a receita de vocês. Pequena, simples e parece deliciosas. Bom, a cara da sua família.

    beijos e ótima semana.

    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
Related Posts with Thumbnails