sábado, 6 de setembro de 2014

Para guardar na memoria

ou seria melhor: "recortes da vida de uma professora de educacao infantil" ?

Sexta-feira (qualquer uma)
Hoje escovei os dentes de umas 30 criancas, sem brincadeira.
Conversei, acalmei e separei umas 20 "brigas, discussoes, desentendimentos" entre as criancas.
Cantamos parabens.
Li historia e observei olhinhos atentos me observando.
Terminei o dia com uma dor nas costas que nem sei o que dizer.

Quinta-feira (temos quase sempre o mesmo dialogo, quase todas as quintas)
Eu: Quem lembra quem vamos ver hoje?
Y. (quase 3 anos): O pof Diovo.
Eu: Isso mesmo Y. o prof. Diogo.

Coincidencia ou nao praticamente toda quinta-feira tem pao com algo (pate, requeijao ou sanduiche) no lanche e o que eu ouco depois de servir todas as criancas?
Y.: Pof eu quero pao curo (porque pao puro e' sempre melhor).

Estavamos fazendo um cartaz sobre "o que sabemos sobre a Baleia". Pedi para que as criancas lembrassem de uma baleia que eles ja' viram em fotos, desenhos, videos e me dissessem o que sabiam para eu escrever no cartaz. 
Y. levanta a mao e diz: A baleia voa no mar e nao ronca (ele queria dizer que ela vive).
Eu: Ela nao ronca Y?
Y.: Nao pof.... {pensando} ela ronca pof, ela faz assim "uuuuuuu,uuuuu". {com a cara mais linda que eu ja' vi!}

Segunda-feira (qualquer uma de Agosto)
Estavamos no parque e de repente comecou a ventar. Presenciamos uma linda, deliciosa e engracada chuva de castanhas tambem conhecidas como "catanha ou tatanha". Foi divertido e tinha crianca em extase de ver, pegar e posperiormente comer tantas castanhas que cairam no chao. Se algum ingles visse a cena, especialmente alguma mae/ medico/ enfermeiro ficariam horrorizados pois em Londres somos orientados a evitar "nuts" (todos eles inclusive amendoim) ate' os 5 anos. Aqui criancas de menos de 2 anos ficam felizes da vida por encontrarem, dividirem com os amigos e comerem castanhas na escola.



***********
Tem muita coisa boa para registrar mas ficam essas por aqui e por enquanto. Uma pena grande eu nao poder publicar nenhuma foto dos meus alunos mas garanto que eles sao uns fofos.

Amo fazer o que eu sei e gosto mesmo e apesar de todas as dificuldades incluindo falta de reconhecimento e valorizacao financeira porque minhas contas nao param de chegar nunca.

2 comentários:

  1. Acho que o mesmo brilho que você nos olhinhos das crianças eu vi aqui nas tuas palavras.
    Dores nas costas, o salário aquém... e o seu dom construindo e iluminando.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Grazi!
    Algumas coisas não tem preço...
    Vai ser bacana também quando daqui uns anos você se lembrar do que hoje deixa registrado.
    Beijus,

    ResponderExcluir
Related Posts with Thumbnails